Utilizando o Open Street Map em seus projetos

Em capítulos anteriores, falei um pouco do uso de aplicações fora do mainstream. Tem um danado que preciso falar um pouco mais, o Open Street Map (OSM). Já tinha ouvido falar de várias incursões do povo para mapear locais à pé, de bicicleta e barco para alimentá-lo. É uma plataforma robusta e séria para websites, aplicativos móveis e dispositivos de hardware, apoiada por instituições e empresas ao redor do mundo. Exemplos grandes de uso são Apple e Flikr e o aplicativo de mobilidade urbana Moovit. O @willianpaixao me deu o papo que o Uber utiliza o serviço como data provider.

Continuar lendo

Anúncios

Comunidade é mais importante que visibilidade

Desde cedo aprendi que saber inglês era importante na minha carreira de computação. Melhores livros, blogs, maior variedade de canais no YouTube, até documentação oficial; conhecemos o inglês como a língua universal. Depois de um tempo tornou-se orgânico, falar termos e expressões, escrever notas pessoais e em algum ponto deixei de produzir conteúdo em português. Eu que participava de grupos de tradução e localização, traduzindo manuais do Debian em 2005, passei a escrever em inglês pela visibilidade.

Continuar lendo

Inscrições abertas: Agile Brazil 2017

Aviso importante para toda Comunidade Ta Safo!: “As inscrições para a Agile Brazil 2017 estão abertas…”. Como todos já devem estar sabendo, este ano a Maior Conferência de Métodos Ágeis da América Latina ocorrerá pela primeira vez no Norte do país, na nossa querida terrinha, Belém do Pará,  nos dias 13, 14 e 15 de Setembro no Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, onde também será comemorado oficialmente os 10 anos da Comunidade Tá Safo!.

Continuar lendo

Submeta sua proposta para a Agile Brazil 2017

Olá, Comunidade!

Acredito que todos já estão sabendo que, nos dias 13, 14 e 15 de Setembro, Belém – a metrópole da Amazônia – receberá a Agile Brazil, a maior conferência de Agilidade da América Latina. Bacana né?! E também já devem ter te contado que é a primeira vez que será realizada no Norte do Brasil. O local será no Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia. E você nem sabe o mais legal: nós da Comunidade Tá Safo! estamos como co-organizadores! E justamente no ano que comemoramos 10 anos de existência, vamos cantar parabéns no dia do evento e todos estão convidados.

Continuar lendo

Papo de Infra: Quando eu cheguei aqui era tudo mato

aka “como a cultura DevOps tem transformado a forma de desenvolver e entregar software”.

Quando comecei a desenvolver software, a entrega era feita com um moderno FTP. O controle de versão era feito compactando o diretório com diferentes nomes. O teste era fazer o cliente usar a última versão e dizer que estava funcionando. O servidor Web era compartilhado, rodando um CPanel que controlava um LAMP no qual eu tinha poucas permissões.

fz3_linux_main

“deploy” com FileZilla em 2005.

Continuar lendo

Testes em Android – Parte I: Por onde começar?

Fala, Comunidade! Este post é o primeiro de uma série sobre testes em Android. Você aprenderá conceitos essenciais sobre a arquitetura de testes, instrumentação e como configurar o seu projeto no Android Studio para começar a automatizar seus testes unitários e de UI. Nesse primeiro post, irei focar apenas em testes unitários utilizando a ferramenta JUnit. Como ele é de assunto intermediário, caso você seja iniciante em Android, sugiro este post onde falo passo a passo como começar o desenvolvimento de apps no Android Studio.

Por que devo testar?

Nos dias de hoje, onde temos vários serviços e plataformas de Integração Contínua (Continuous Integration) gerando builds a todo vapor como Jenkins, Travis CI, Circle CI, BitBucket Pipelines, testar é algo essencial e obrigatório para que consigamos montar uma cultura de desenvolvimento ágil e de Entrega Contínua (Continuous Delivery) de produtos de qualidade para nossos clientes.

Continuar lendo