Diário de um projeto: Palestras Coletivas

Você algumas vezes já sentiu estar fazendo algumas coisas no automático, sem saber exatamente porque você as faz?

O Tá safo inicia aqui uma nova série de artigos sobre os projetos da comunidade para apresentar como e porque eles surgiram, as discussões que motivam suas evoluções e os detalhes técnicos que podem balizar como os mesmo estão evoluindo.  Neste primeiro artigo, apresentamos o Palestras Coletivas.

O Palestras Coletivas é a plataforma online para marcação e divulgação de eventos relacionados à tecnologia em geral do Tá safo!

Homepage do Palestras Coletivas

Palestras Coletivas

Motivação histórica

Para entender um pouco melhor o contexto da criação do Palestras Coletivas é necessário compreender brevemente um pouco da própria história do Tá safo!

Em 2007 um grupo de amigos entusiastas de software livre se organizaram na Faculdade IESAM em Belém para promover a Semana Acadêmica da instituição daquele ano.  Contando com diversas pessoas de diferentes formações e interesses, montar a grade de programação das palestras do evento se tornou uma tarefa bastante natural.  Com sondagens de boca-à-boca a colegas e conhecidos para descobrir o que cada um sabia que pudesse compartilhar e com o que cada um estava trabalhando rapidamente se conseguiu levantar um excelente conjunto de palestras sobre os mais variados temas de interesse.

De apresentação do Joomla ao compartilhamento de experiências em software livre, da introdução à programação em PHP à dicas de uso do BrOffice, de informações sobre o Slackware Linux à dicas de segurança e desempenho com customização do Mozilla Firefox; todo mundo sentia que tinha algum conhecimento útil para compartilhar ao público em geral — e digo mais: as pessoas se sentiam felizes e entusiasmadas em estar colaborando.  Com esse espírito, criar eventos acadêmicos de tecnologia era uma tarefa simples já que havia muito material humano e um real senso de cooperação.  Aliás, foi para continuar a troca de conhecimentos sobre os assuntos abordados na Semana Acadêmica do IESAM de 2007 que surgiu a lista de discussão que hoje é  Tá safo!

A partir dali, muitas instituições de ensino e empresas de Belém passaram a convidar as pessoas para ministrar novamente palestras sobre os assuntos que dominavam.  A procura era tão intensa que com o tempo passou a ser necessário fazer uma espécie de catálogo com a relação de assuntos e palestras que cada pessoa daquele grupo tinha interesse, já tinha palestrado ou era capaz de palestrar.  Esse catálogo, que ficou conhecido como “PLANILHÃO”, ficava disponível online no Google Docs e era divulgado às instituições de ensino e empresas para que elas demandasses conforme suas necessidades.

Mas o tempo foi passando.  Por questões profissionais, do grupo de palestrantes do evento original muitos saíram, alguns novos chegaram.  E eis que a tarefa de se manter o catálogo de palestras atualizado se tornou um pesadelo.  De repente, palestras muito procuradas não tinham mais pessoas disponíveis para ministrá-las.  Outros assuntos, com o tempo, foram ficando defasados.  Ou ainda, novos membros e entusiastas do grupo cadastravam palestras que eram escolhidas sem ter sido apresentadas antes a ninguém.  A confiança na qualidade das palestras do grupo já não era a mesma.

Criação do projeto

Nesse contexto, era clara a necessidade de se resgatar a credibilidade de palestras.  Tentando retomar o conhecimento de cada um como desenvolvedor, começavam a surgir ideias para aposentar de vez o “PLANILHÃO” e se criar uma aplicação ao menos para facilitar o cadastro e manutenção do portifólio de palestras de cada um.

Eis que inicialmente por iniciativa particular do Luiz Sanches, nascia o Palestras Coletivas.  Uma aplicação web feita em Ruby on Rails que consistia num simples catálogo de palestras.  Qualquer pessoa podia entrar no sistema e cadastrar os slides das palestras que já tinha ministrado ou ainda iria ministrar em algum lugar, mantendo assim um portifólio online.  O sistema também permitia aos usuários selecionar as palestras cadastradas e montar programações de eventos.

Uma curiosidade é que o projeto surgiu no momento em que um grupo de espertalhões havia se aproveitado da popularidade do Tá safo para criar um site de compras coletivas na cidade com o mesmo nome.  Daí, o nome “Palestras Coletivas” pareceu uma escolha bem adequada.  🙂

Detalhes do projeto

O Palestras Coletivas está em produção no endereço palestrascoletivas.com.br e seu código-fonte é aberto e está disponível online no repositório do Tá safo no Github.  Todas as informações de como instalar e usar o sistema estão disponíveis na página do projeto.

O sistema está em pleno desenvolvimento e se você quiser aprimorar seus conhecimentos em desenvolvimento para web, especialmente em Ruby on Rails, desafie-se a pegar um dos tíquetes já abertos e dar ao menos uma olhada o código-fonte.  Se você descobrir bugs ou tiver sugestões de melhorias pode submetê-las por lá.

Em caso de dúvidas, fique sempre à vontade para trocar ideias na lista de discussão do Tá safo ou do grupo de usuários Ruby do Pará.  Tudo isso é software livre!  Tudo é colaboração e aprendizado!

Com o tempo, mais detalhes sobre a evolução do Palestras Coletivas por aqui.  Acompanhe!

E você?  Também tem alguma história legal sobre quando começou a programar pra web com Ruby on Rails?  Compartilhe também nos comentários.  Até a próxima!

3 comentários sobre “Diário de um projeto: Palestras Coletivas

  1. A história, os detalhes e as curiosidades de cada um dos projetos será contada por aqui. Aguarde!

    Curtir

  2. Além do Palestras Coletivas, temos também outros produtos que foram entregues pelos membros da Comunidade, que são open source e que estão em contínua evolução:

    Palestras Coletivas para Android

    https://play.google.com/store/apps/details?id=org.tasafo.mobile.palestrascoletivas

    Github: https://github.com/tasafo/PCMobile

    Tá Safo Trampos
    Site: http://trampos.tasafo.org
    Github: https://github.com/tasafo/tasafo_jobs

    Bizu Safo
    Site: http://bizusafo.com.br
    Github: https://github.com/tasafo/bizusafo/

    E muitos outros! Colabore e faça parte dessa família! 🙂

    Curtir

  3. Pingback: Diário de um projeto: PCMobile | Blog do Tá safo!

O que tu achas?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s